domingo, 9 de fevereiro de 2020

Lançamento Sangre - Technological Destination(2020)


A conceituadíssima banda brasileira de Thrash/Death Metal Sangre disponibilizou hoje(09.02)  para audição na íntegra e nas principais plataformas digitais o seu mais novo álbum. Produzido por Friggi Mad Beats, que chega para abalar todas as estruturas do metal nacional. 



"Technological Destination"  é o segundo trabalho da banda, recheado de muito peso e técnica deixando a já conhecida demolição sonora da banda ainda mais brutal.  


Confiram!




Membros da banda:
Ian Arcas - Vocal
Piu Loko - Guitarra
Rodrigo Penna - Baixo
 
* Friggi Mad Beats(Bateria/Estúdio) 
*Participação especial na gravação da bateria no álbum Technological Destination.
 
 
Mais Informações: 
 
Contato:

sábado, 8 de fevereiro de 2020

MGLA Primeira Vez Em Solo Brasileiro


MGLA banda de Black Metal polonesa vai desembarcar na América do Sul, e precisamente no Brasil, em São Paulo, no dia 06 de março de 2020:

Formada em 2000 pelo guitarrista e vocalista “M”, que se tornou sem sombras de dúvidas uma das mais importantes bandas do gênero Black Metal, criando algo melódico e ao mesmo tempo sombrio e com composições densas e complexas, fazendo que cada música do MGLA seja uma atmosfera única.

Os poloneses contam com 10 trabalhos entre EPs e 4 álbuns de estúdio com destaque ao “Groza” (2008) e o mais emblemático do cenário nas últimas décadas “Exercises In Futility” (2015)...Trabalho que colocou a banda no mais alto nível desse obscuro gênero musical.
 
Mgla recentemente lançou o quarto álbum de estúdio intitulado “Age Of Excuse” , trabalho superior que vem recebendo as melhores reações possíveis.


06 de Março de 2020 (Sexta-feira)
Abertura: 19:00
Início: 21:00

Local: Vic Club
Endereço: Rua Marquês de Itu, 284 - Vila Buarque - São Paulo, SP

Classificação etária: +18

Ingressos:
2º Lote - Pista - Meia Entrada: R$ 120,00
2º Lote - Pista - Promocional:  R$ 120,00

Venda on-line:https://www.clubedoingresso.com/evento/mgla-vicclub-06-03-2020

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

ENTREVISTA CRUCIFICATOR



HAIL! Antes de começar esta entrevista gostaria de agradecer o a banda pelo tempo cedido para este bate papo. Bem, vamos lá, fale um pouco mais sobre este atual momento do CRUCIFICATOR, e como estão os trabalhos para o novo álbum “Then Hatred Reborn At Dawn”?

Malignum: Bem, como sempre o atual momento do Crucificator é de muita luta e trabalho em busca de nossos objetivos relacionados a banda, sendo assim os trabalhos com o novo álbum continuam trabalhando intensamente.

Ainda sobre este novo álbum, o que os seguidores podem esperar do mesmo? E qual a previsão de lançamento?

Malignum: Aos apreciadores da arte da guerra bem como o verdadeiro Death Metal, podem esperar pôr um trabalho autêntico rápido e devastador voltado às nossas raízes e tendências atuais, com previsão de lançamento no final deste semestre.

Após este lançamento, a banda pretende embarcar para alguma turnê europeia? Este tipo de projeto está nos planos da banda?

Malignum: Em relação a turnês, isso é consequência e sempre estará em nossos planos, haja vista que toda banda que busca reconhecimento pelos seus trabalhos e esforços voltados a um objetivo sério, tem que estar focada também em tudo que lhe for pertinente.

E para divulgação, o CRUCIFICATOR pretende divulgar algum single antes do álbum completo? Ou quem sabe um videoclipe?

Malignum: O foco maior no momento é a finalização do álbum, posterior daremos continuidade a outros trabalhos, como EPS, singles e videoclipes.


Como vocês enxergam a cena do War Metal brasileira nos dias de hoje? Há outras bandas neste estilo vocês tem acompanhado?

Malignum: Como citei anteriormente, nosso maior foco no momento são nossos trabalhos, por isso não estamos acompanhado o cenário War BR, mas creio que por ser uma temática rica no contexto lírico e sonoro, as bandas que se propuserem a realizar esse tipo Front e forem realmente comprometidas com a causa, estarão no caminho certo.

Fale um pouco da atual formação, acreditam ser a mais consolidada?

Malignum: A atual formação conta com novos e antigos integrantes, costumamos dizer que uma vez CRUCIFICATOR sempre CRUCIFICATOR, por isso os verdadeiros sempre estarão ao nosso lado.

E para o restante de 2020, há algum outro projeto que gostaria de revelar aos nossos leitores?

Malignum: O fator surpresa sempre nos acompanha, então para o restante de 2020 provavelmente teremos novidades.

Mais uma vez, muito obrigado pela entrevista, deixamos este espaço para as considerações finais.

Malignum: Em tempo fica aqui os agradecimentos do Crucificator pela oportunidade da entrevista e estaremos sempre à disposição para assuntos pertinentes a banda.

CRUCIFICATOR é:
Malignum – Vocal  
Lord Stabber – Guitarra  
Alex Hategun – Guitarra  
Iron Cross – Baixo
John Hammer – Bateria

Contato para shows:
E-mail: warcaller@hotmail.com
WhatsApp/Telegram: (46) 98838-7204 – Sangue Frio Produções

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato

terça-feira, 19 de novembro de 2019

CHROMESKULL: Ouça agora o novo single “Screams In The Night”


Os paulistas do CHROMESKULL estão finalizando 2019 com tudo! Após um início avassalador com o lançamento do EP “Deads Shall Rise”, a banda fecha o ano divulgando o single “Screams In The Night”.

Com duas faixas inéditas, que apresentam de forma oficial a nova formação, o novo trabalho traz ao público também uma nova sonoridade, ainda mais rápida e trabalhada, podendo ser encontrado nas principais plataformas de streaming e download do mundo, ouça agora:


Google Play Music: http://bit.ly/334zKZH


Tracklist:
1 – Screams In The Night
2 – Living Fast, Die Young
Em paralelo, o CHROMESKULL já inicia o processo de fechamento de datas para shows em suporte a divulgação de “Screams In The Night”. Produtores interessados em leva-los para seus respectivos eventos – em 2019 e 2020 – entrem em contato pelo e-mail chromeskull@outlook.com.br ou diretamente no WhatsApp/Telegram em (46) 98838-7204.

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
 
Sites relacionados:

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Resenha Maeskyyrn - Interlude (2019)



Saudações bangers, hoje com prazer apresentamos Maeskyyrn, banda canadense de Black Metal, formada em 2017, iniciando suas atividades no período de 2018 com lançamento da demo “Thoughts Of Shattered Dreams”, e neste ano de 2019 com seu primeiro álbum de estúdio, “Interlude”.

Em Interlude, temos um tradicional Black Metal aos moldes das ondas da cena norueguesa, com guitarras chorosas e carregadas de atmosfera, executadas por Saemyaza (guitarra solo) e Noctis (guitarra base), uma bateria com velocidade mais contida e regulada, desempenhada por Mehrunes e um baixo que acompanha a cozinha da banda por parte de Nemetona. Vocais bastante “rasgados” e em alguns momentos intercalando com gritos e guturais graves, reforçando a agressividade da banda.

No álbum, é possível apreciar longas composições de sete a nove minutos, com atmosferas bastante melancólicas e contemplativas e bastante ênfase em melodias introdutórias, como na “These Battlefields, Where None Walk Twice”, onde a sonoridade dos acordes se tornam extremamente envolventes, dando espaço para as duas guitarras agindo em conjunto, com Saemyaza executando o solo que dá o tom da faixa. Momentos de explosão podem ser ouvidos na “The Slow Death of the Years And Other Omens” que inicia com blast beats em sua introdução e riffs destruidores de guitarra, mas nunca perdendo os elementos melancólicos presentes em cada faixa, além das cadências de velocidade. 

 
No intervalo de cada faixa, está uma introdutória denominada “Interlude”, evidenciando as influências de Atmospheric Black Metal, com sons de sintetizador para aumentar a imersão musical. Interlude se trata de um tradicional Black Metal, muito próximo sonoramente de bandas que utilizam de elementos mais melancólicos em seus sons, em alguns pontos se assemelhando até mesmo com Darkthrone. No álbum, Maeskyyrn deixa claramente a proposta musical, sendo um excelente trabalho e recomendação para fãs da velha cena do Black Metal, Atmospheric Black e mais variedades do gênero.


 Banda:
Lead guitar: Saemyaza
Rythm guitar: Noctis
Lyrics & Vocals: Harslingoth
Drums: Mehrunes

Contato:
 
Mais Informações:




Autor da Resenha: Eduardo Ronconi