terça-feira, 26 de julho de 2016

Resenha – Show de um “Cast” de peso da música extrema brasileira no ‘Mineiro Rock Bar’


Texto & Fotos: André Santos
Filmagens: Maria Correia
Evento realizado no Mineiro Rock Bar no dia 09/07/16

Sabemos que a região de Osasco/SP, sempre vem abraçando a cena Underground nacional e é um dos principais espaços dentro da cena. Estamos falando do“Pub” Mineiro Rock Bar, localizado na central região de Osasco. No dia 09 do mês de julho no palco do “Sesc Pompéia”, por volta das 19h30min, o grandioso Krisiun iniciava sua prestação. Mas a cena extrema não se resume somente a este monstro do gênero “Death Metal” brasileiro. Assim ao fim da apresentação do mesmo, me mobilizei até a região de Osasco para poder acompanhar as apresentações das bandas nacionais representantes da música extrema, nomes importantes estiveram presentes como o Nervochaos, Executer e a banda The Haavoc, presentes no “Pub”, para nos trazer os mais brutais acordes, que contou com um grupo de ‘Headbangers’ apoiadores da cena nacional.

Mas vamos a noite de registros desse evento! Por volta das 23h00min, os músicos André Miranda (Vocal/Guitarra), Robert Lunardi (Bateria) e com apoio de dois músicos presentes sendo eles : Marcelo Kobayashi (Baixo) e Ricardo Kamal (Guitarra) completavam a formação da banda The Haavoc, iniciando sua prestação no palco do “Mineiro”, com a música autoral composta em português chamada “Brazuca”,despejando riffs marcantes com vocais fortes cantado em nossa língua pátria.


Logo em seguida a banda The Haavoc, trajeta sua apresentação com uma composição em inglês da canção “Scream to the Word”. Os mesmos se lançam na noite e o frontman e guitarrista ‘André’ agradece as bandas que estão por vir a se apresentar e a galera presente, amigos, esposas e ao mesmo tempo agradece os dois músicos ‘Marcelo’ e ‘Ricardo’ presentes como apoio, que tornou esta prestação consolidada através dessa formação e sem perder tempo o mesmo diz: “Vamos brincar e fazer uma mistura aqui” e logo é anunciada a cover da música “Arise” do grande Sepultura. Com o clima a banda emenda a música “No Fear No Pain”, que vem na subsequente a “I Can”. Com a noite adentro o The Haavoc vai engatando sua energia musical através das canções: “Killer Doll” e “Blind to Reality” e para fechar a sua prestação no “Pub”, onde eles nos mandam mais uma cover destruidora da banda Sepultura, com a múisca “Roots Blood Roots” do álbum (Roots de 1996). 

 
Com o término da apresentação da banda The Haavoc, é dado uma pequena pausa para organização do palco, para abrigar a próxima atração da noite. Por volta da 00h00min, sobe ao palco do ‘Mineiro’ os musicos: Bruno Meba (Bateria), Paulo Cesar (Baixo), Elias (Guitarra) e Juca Garcia (Vocal), fechando a line – up do Executer, vindo da cidade de Amparo/SP,interior da capital paulista para entorpecer nossa moleira com muito Thrash Metal.


Executer se fez presente ao palco do “Pub” iniciando sua prestação já com muito gás e sangue nos olhos, nos trazendo a música “Helliday” cheia de riffs agressivos acompanhados pelos vocais rasgados de ‘Juca’. Com a galera extremamente empolgada a frente do palco agitando muito com a performance do Executer, o frontman anuncia a próxima canção “Money”, representando toda a insanidade de seus músicos impondo ritmos frenéticos, levando o público presente a uma agitação constante. E a trinca da noite se iniciava pelos os acordes da música “And Rottenes Goes On”, que veio acompanhada de “Urros” da galera presente no “Pub”, onde o grande Executer através  de ‘Elias ‘ incendiava nossa almas mediante de seus riffs.
Em seu segundo bloco de apresentação a banda inicia sua poderosíssima execução da música “Ivoluntary Suicide”, pertecente ao álbum  (Psychotic Mind – 2003) e, ao fim dessa prestação ‘Juca’, agradece, fazendo  menção as bandas presentes no evento e dizendo: “Valeu galera, é muito bom estarmos aqui novamente ao Mineiro Rock Bar,as outras vezes que estivemos aqui foi muito foda e espero que esta noite de hoje seja mais fudido ainda. Depende de nós e de vocês em uma sintonia só, Thrash”. Logo em seguida o frontman ‘Juca’ nos revela a próxima música “Inspiration For Crime” do álbum (Welcome To Your Hell – 2006).


Ao fim dessa execução o ‘Juca’ aproveita para apresentar o novo batera ‘Meba’ que está substituindo o velho “Béba” que esteve nas baquetas do Executer por 29 anos. Segundo as palavras do frontman, esse cara suou duas semanas para estar aqui presente, ele é um “Guerreiro”. Em seguida os riffs da canção “You’ll Come Back” ganha vida no palco da casa, com muito peso e com acordes densos. A próxima música vem marcada por compassos empregados pela mãos do batera ‘Meba’, que juntamente com notas altas tiradas das 6 cordas de ‘Elias’, que são despejados riffs incandescentes de “My Hell”.


O processo do Executer  no palco só ganhava forças neste último bloco de músicas, onde tivemos a canção “Power Thrashing Death” (Whisplash) presenteando todos nós com sua execução, que logo em seguida para fechar a trinca de encerramento, a banda  executa as canções “Rotten Authorities” e a cover “Piranha”, da grande banda de Thrash Metal  Exodus, fechando assim a sua destruidora performance no palco do “Pub”.  
  
Com a madruga caindo adentro e com o fim da apresentação da banda Executer, chega o momento da noite, onde as portas do inferno se faz presente no palco do “Mineiro Rock Bar”, com a presença dos musicos: Edu Lane (Bateria), Tiago ‘Anduscion’ (Baixo), Cherry Sickbeat (Guitarra) e Lauro Bometti (Vocal/Guitarra), fechando assim a line-up do NervoChaos.


 A banda se fez presente no palco iniciando sua prestação pela devastadora canção “The Harvest”, onde o quarteto paulista despeja seu Death Metal vigoroso e brutal em nossas almas já perdidas nos arcodes incandescente executados por ‘Cherry’ e ‘Lauro’ que rasgava nossos tímpamos com seus guturais densos. Em seguida a próxima música vem do álbum (To the Death – 2012) sendo ela “Mind Under Siege”, proliferando-se a todo ambiente do “Pub”, levando o público presente ao ápice com todos bangueando enloquentemente.
 Na sequência vem a  “Dark Chaotic Destruction” do álbum (Battalions of Hate – 2010), trazendo toda a destruição aos nossos corpos. Ao fim dessa prestação , imediatamente o ‘Lauro’ frontman anuncia a próxima canção do álbum (The Art of Vengeance -2014), e diz na sequência: “Dedico esta música a todos vocês presentes, pois são vocês que fazem a cena Metal nacional acontecer”. E para vocês “For Passion Not Fashion”.


E claro que a subsequente a ser executada não poderia ficar de fora, a devastadora “To the Death”, levando os ‘Bangers’ presentes a loucura. E com toda a destruição empregada ao palco da casa, o NervoChaos segue seu set com a música “All Out War”, que foi nos caminhando  com muita energia para a seguinte canção galgada em compassos densos e pesados falo de “Might Justice”. Sem perder todo o clima presente pela banda ao palco do ‘Mineiro’, para supresa de todos o Nervochaos não deixou de lado a execução de “Total Satan”, levando os fãs presente ao delírio.
Sem perder o clima gerado no “Pub” a banda emenda a música “Shadows of Destruction”, outra execução de pura destruição  e com todos embalados pelos riffs entrevados em nosso esperito, fomos agraciados por “The Devil’s Work” pertecente ao álbum (The Art of  Vengeance – 2014). Ao término dessa prestação fomos presenteados por “Pazuzu Is Here”, nos levando ao clima enlouquecedor. Com todos desfrutando da performance da banda, íamos caminhando para fim de mais uma noite eloquente, onde a última canção foi anunciada “Pure Hamp” fechando infelizmente as portas do inferno presente a execução do Nervochaos no “Pub” do Mineiro Rock Bar.


Parabéns mais uma vez a todos envolvidos e as bandas como: NervoChaos, Executer e The Haavoc, presentes a esse evento. Isso demonstra que a cena Metal extrema está presente se fortalecendo cada vez mais. E aos Bangers presentes que estavam ali juntamente ao Mineiro Rock Bar, apoiando a cena Underground que necessita muito do apoio de todos, como eu disse a mesma não só se resume a grandes espaços e nos consolidados nomes da cena, mas sim, os nomes aqui presente faz muito pelo Metal extremo e os espaços pequenos estão presente para fortalecer o mesmo. PARABÉNS A TODOS! 

Links oficiais das bandas: