terça-feira, 6 de setembro de 2016

Resenha – “Vida Obscura” primeiro full – lenght da banda Vermis


Selo: Holocaust Records Vinyl (paulodorsaljr@gmail.com)
Gravado/ Mixado: Vermis
Músicas/ Letras: Leonam Vermis e Wallace Mors
Capa: Luiz F.M
Artes finais: Paulo Black Hearts (black_heartsrec@outlook.com)

Nota: 9.0

“Vida Obscura” é o primeiro Full-Lenght lançado pelo selo ‘Holocaust Records Vinyl’ em 2016, e vem como o primeiro registro da banda carioca. Vermis é formada por um power trio, seus músicos Wallace Mors (Vocal/Guitarra), Barbatos (Baixo) e Leonam Vermis (Bateria), chegam na cena Underground com muita coragem expondo sua imagem, com muita determinação e sem medo das consequências e confiando em seus potenciais, eis o que não falta a esse registro.

Não espere desse Full-Lenght uma grande produção, som polido, é algo bem cru e direto sim. Mas um trabalho coeso e muito bem feito através dos recursos dos próprios membros do ‘Vermis’, onde o próprio Wallace (V.G) soube utilizar muito bem os timbres em seu instrumento e mescla graves e agudos (notadamente) utilizando desses recursos para dar um contraste bem marcante a sua musicalidade galgada no tradicional Death Metal com nuances ao Black Metal, tornando o seu som bem intenso e poderoso. Além disso, temos que enaltecer a banda e seu vocalista por trazerem em suas composições nossa língua pátria, e muito bem conduzida por ‘Wallace’.

“Vida Obscura” ao longo de seu trajeto é representada por doze faixas, sendo uma delas um interlúdio e mais uma instrumental. Suas composições passeiam entre o peso e cadenciamento. Cada faixa fica a cargo de ser interpretada por Wallace que se alterna entre o gutural e o rasgado que deixa a cada processo de finalização bem interessante. A primeira audição do álbum fica a cargo da faixa “Procissão das Almas” uma introdução que já nos caminha a toda devastação e destruição presentes nesse registro, nos dando uma idéia que iremos encontrar nas seguintes composições que estão por virem.


As três composições inicias do “Petardo” que criam toda a atmosfera empregada nesse registro que carregam letras calçadas no gênero Black Metal, demonstrando uma de suas raízes, onde podemos notar em suas letras regadas ao submundo obscuro de “Terror em Terra”, “Exército Negro” e podemos destacar uma de suas composições um pouco mais longa intitulada como “Experiência Maldita”, aos longos 8min, sem se tornar cansativa, e sim extraindo toda a essência do ‘Vermis’ que conduzem de forma impar as nuances entre o Death e o Black Metal.

“Prazer,Agonia e Necrofelia”, e a “ Atraído pelo Medo”, são interpretações da quinta a sexta faixa, insanas regadas de muito peso e riffs cortantes que variam entre ultra-rápidos e em certos tempos um pouco mais cadenciados. A sétima audição fica por conta de “A.G.O.N.I.A.”, uma levada instrumental que carrega todo ar atmosférico e sombrio do álbum. Onde a mesma faz abertura a oitava composição “Convite Para o Inferno” riffs cortantes, densos e a bateria constantemente metralhando nossa almas. A nona faixa é a Ruínas do Caos”, novamente uma das faixas em destaques por suas variações presentes na execução. Então o que falarmos da décima faixa “Por Entre os Olhos da Morte”, que se inicia de forma sombria e vai ganhando vida na sua transgressão repelindo muito gás e peso, onde a batera de ‘Leonam' se destaca muito presente na composição.

A décima primeira pedrada é a canção “Um Caminho Para a Escuridão” que se destaca por seus riffs rasgados. Mais a grande cereja do bolo fica ao fim desse registro, sendo a segunda composição mais longa do álbum, “Vida Obscura” se destaca por sua letra sombria, onde o ‘Wallace’ inicia sua interpretação declamando versos da canção dando um clima bem (Old School) referente ao Black Metal e com pouco mais de 8min, a canção ganha variações bem marcantes e presente te prendendo ao clima ditado por riffs embalados por uma levada um pouco mais lenta e cadenciada e cheia de atmosfera sombria. Fechando assim esse primeiro registro da banda Vermis com chave de ouro.

Ressalvas: A banda Vermis traz um excelente trabalho, sendo o seu primeiro registro em álbum que carregam os gêneros do Death Metal e Black Metal muito presente nas suas composições e na harmonização os tornando um belíssimo registro que vale muito a pena ter em mãos. PARABÉNS!! 

Line – Up:

Wallace Mors – Vocal/ Guitarra
Barbatos – Baixo
Leonam Vermis – Bateria

Tracklist:

1. Procissão das Almas
2. Terror em Terra
3. Exército Negro
4. Experiência Maldita
5. Prazer, Agonia e Necrofilia
6. Atraído pelo Medo
7. A.G.O.N.I.A.
8. Convite Para o Inferno
9. Ruínas do Caos
10. Por Entre os Olhos da Morte
11. Um Caminho Para a Escuridão
12. Vida Obscura


Links oficiais: